2º Chakra: Svadhisthana

Também chamado de esplênico, sacro ou baço, é responsável pela energização geral do organismo.


Por ele penetram as energias cósmicas mais sutis, que a seguir são distribuídas pelo corpo. Quando esse chakra é estimulado, propicia uma boa captação energética.


As imagens de nossa existência, de vidas passadas e traumas ficam guardadas nesse Chakra. A capacidade de dissipar antigas emoções também está ligada a ele. A palavra Svadhisthana também é traduzida como a “doce casa”, e é ali que está abrigado aquela potência, aquela força que chamamos desejo. O ímpeto criativo de semear uma vida, ou o desejo de concretizar sonhos.


Ele atua de forma mais ativa nas idades entre 8 e 14 anos e depois entre 57 e 63.



Principais Características:

Localização: três dedos abaixo do umbigo. Na coluna se relaciona à 1ª vértebra lombar.


Sistema fisiológico: Genitourinário


Glândula endócrina: Gônadas: Ovários e testículos.


Cor: Laranja


Elemento: Água


Bija mantra: Vam. Ao ser entoado, nutre e purifica os fluidos corporais e produz alinhamento com as “águas” do nosso corpo (sangue, urina, linfa, lágrima, saliva, sêmen). Traz a fluidez da água.


Questões fundamentais: relaciona-se com as expressões das emoções e da alegria de viver; expressão da energia sexual, reprodução e família; regula a vontade de ultrapassar os obstáculos (fluidez da água) e a forma como encaramos a vida.


Fatores reguladores: sensualidade; entusiasmo; explorar a criatividade e os limites. Fluidez, maturidade, suavidade.


Em Equilíbrio: coragem de viver, alegria natural; capacidade de ter orgasmo; tolerância,

companheirismo.


Em desequilíbrio: Se hiperativado: hipersexualidade, fantasias sexuais exageradas, perversão sexual, sexualidade grosseira.


Se hipoativado: desinteresse sexual, sexualidade reprimida, frieza sexual. E também:

• A nível físico: problemas genito-urinários, tumores na bexiga e nos genitais, prostatite;

colites e problemas nos intestinos; dores lombares; pressão baixa; problemas hormonais, TPM, irregularidades menstruais.


• A nível emocional e espiritual: traz tristeza, frieza emocional, depressão, sentimentos de rejeição e solidão; medo; baixa auto-estima, a pessoa não se acha atraente.


Como Equilibrar o Chakra Svadhisthana

Cor: usar alaranjado ou imaginar uma luz laranja iluminando a região abaixo do umbigo, se sentir que está hipoativo (enfraquecido); e usar sua complementar azul celeste se sentir que está hiper.


Alimentos: reforçar a ingestão de líquidos.


Aroma: sândalo, ylang-ylang, amêndoa amarga, jasmim e óleo de rosa


Chá: erva-doce


Cristais:

Para Ativar: opala de fogo (estimula a criatividade) e cornalina ( ajuda em problemas na lombar e é dita uma pedra protetora. Diz-se que nos tempos dos Celtas ela era usada dentro de um conjunto de pedras preciosas engastadas na armaduras dos guerreiros . Outros que ajudam são a calcita laranja e o topázio amarelo.


Para acalmar: esmeralda, ela encoraja a amizade, acalma as emoções e traz sabedoria. Se não tiver a esmeralda, as pedras masi densas da cor verde também podem trazer benefícios: aventurina verde, a amazonita ou a calcita verde.


Para equilibrar: a pedra da lua (ajuda a diminuir a insônia e é ótima nos ciclos femininos: menstruação dolorosa e tpm) e a água marinha (ela é considerada fortalecedora na adversidade e protetora; ela alinha nossos corpos físico e sutil; em termos energéticos ajuda a limpar os rins e o sistema genitourinário)


Som: instrumentos de sopro ou músicas que ajudem a corpo a fluir em movimentos.

Vivência: contemplar o luar, mergulhar em rios e lagos de água límpidas; tomar banho de mar. E se não puder, imagine-se fazendo isso.


Mudra para o Chakra Svadhisthana

Texto: Elida Ferreira - Simpples Ser

7 visualizações
  • Preto Ícone Instagram
  • Preto Ícone Facebook